18 comentários:
De antídoto a 24 de Maio de 2007 às 17:47
Finalmente começam a aparecer por aqui companheiros de infortúnio : )


De pintas a 24 de Maio de 2007 às 12:54
Raio das gajas e o seu maldito relógio biológico interno!


De bailarino a 24 de Maio de 2007 às 09:36
Antídoto, tens toda a minha solidariedade. Não é fácil conviver com a histeria geral que a gravidez provoca na própria e nas que a rodeiam. E claro, se demonstramos qualquer ponta de menos entusiasmo, já tamos a levar, e somos uns insensiveis e blabalbalabla. O boda também tem algumas coisas a dizer sobre isso. A seu tempo.
1 abraço


De antídoto a 17 de Maio de 2007 às 22:08
Eu sei que tens razão, há gajos do piorio... cof cof...


De alexia a 17 de Maio de 2007 às 22:05
Não...é uma directa, o mais directa possivel:)


De antídoto a 17 de Maio de 2007 às 19:54
Heeee... tu desculpa, mas... não.


De AEnima a 17 de Maio de 2007 às 18:28
Dificuldade em perceber os meus comentarios? Hum... estas e' a fazer-te a explicacoes privadas... que subtileza... grrrrrrrr


De antídoto a 17 de Maio de 2007 às 15:06
isabel - Pois virá. Ou não.

alexiaa - Isso era uma indirecta?

clara - Devo dizer-lhe que fiquei muito bem impressionado por gostar de homens.

orquídea - Ufa, fiquei mais descansado.


De Orquidea a 17 de Maio de 2007 às 13:53
Ai... O meu, no início, eu também dizia que parecia um feijãozinho...
Afinal tenho um lado gaja, vês?


De Clara a 17 de Maio de 2007 às 11:18
Devo dizer-lhe q também n entendo esse tipo de reacções e que acho sempre que elas estão a fazer teatro umas para as outras. (Isso e a mania das músicas românticas, peluches e novelas). É nessas alturas que me congratulo por gostar de homens e não ter que levar com essas porcarias (embora o futebol e a playstation também estejam quase a mesmo nível de idiotice).


Comentar post