Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Little Drop of Poison

veneno avulso com antídoto incorporado

veneno avulso com antídoto incorporado

Little Drop of Poison

30
Jul08

Força de Elite

antídoto

Dos jornais:

 

Polícia baleado após perseguição.
 
O agente da Unidade Especial de Polícia (o extinto Grupo de Operações Especiais da PSP) tentava travar a fuga dos quatro jovens suspeitos de, na madrugada do dia anterior, terem agredido dois polícias de Abrantes e roubado a shotgun de um deles. A perseguição iniciara-se ao princípio da tarde, depois de o carro usado no assalto ter sido detectado na mesma cidade. O polícia foi baleado com gravidade na barriga e só após quase três horas de cerco policial é que o quarto suspeito se entregou.
 
Segundo o Intendente Luís Simões, "os quatro suspeitos fugiram e dispararam simultaneamente contra as forças policiais tendo baleado um agente dos GOE no baixo-ventre".
 
O ministro da Administração Interna, Rui Pereira, elogiou ontem a actuação da PSP. "Os agentes envolvidos na detenção agiram com competência, abnegação e heroísmo".
 
O agente… foi atingido nas nádegas, sofreu uma perfuração na bexiga e encontrava-se ontem estabilizado, após ter sido submetido a uma segunda intervenção cirúrgica. Segundo o director clínico do Hospital de Santa Maria, o projéctil "entrou pela nádega esquerda e saiu pela direita". No trajecto, "perfurou a bexiga, uma artéria e uma veia". O facto de a ferida apresentar sinais de queimadura, de acordo com informações do mesmo responsável, revelam que o tiro foi disparado de muito perto. O agente não corre perigo de vida e o prognóstico tem tido evolução favorável.
 
A PSP fala em troca de tiros e diz que os suspeitos estavam armados com caçadeiras e pistolas, mas afinal no local só há projécteis de armas da polícia. Não foram apanhadas armas aos suspeitos, o que levanta grandes dúvidas sobre a forma como a força de elite da PSP actuou.
 
Fonte da PSP disse “não acreditar” na teoria de que o elemento do GOE tivesse sido baleado por um colega. “Se fosse com polícias de piquete, podia, em teoria, ainda que remota, acontecer, num momento de maior nervosismo. Agora, tratando-se de uma força especial muito bem treinada e instruída a não disparar a não ser em resposta a disparos do outro lado, parece altamente improvável que tenha acontecido”, acrescentou a mesma fonte.
 
O agente ferido foi atingido por disparos de colegas...
 
Ups!
 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2010
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2009
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2008
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2007
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2006
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D