Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Little Drop of Poison

veneno avulso com antídoto incorporado

veneno avulso com antídoto incorporado

Little Drop of Poison

08
Out07

Only in Portugal

antídoto
Tenho pensado seriamente em fechar um ciclo na minha vida profissional.
Ando farto de trabalho de secretária e quero mudar para algo completamente diferente que me permita movimento e contactos sociais interessantes.
 
A dificuldade sempre foi ocorrer-me aquela ideia brilhante ou encontrar um nicho de mercado que garanta o sucesso do projecto.
 
Pois, meus amigos, o milagre aconteceu.
E se falo disto aqui é porque ainda falta um pormenor, o sócio capitalista que irá financiar o projecto.
Poderão mandar as vossas propostas para o e-mail indicado neste blog, mas despachem-se porque prevejo que serão às centenas.
 
A ideia é muito simples, como, aliás, todas as ideias brilhantes.
 
Em Portugal pode-se planear e preparar todos os passos de um homicídio sem quaisquer problemas ou contrariedades, verdade? Então porque não fazê-lo com classe?
 
Imaginem um hotel de cinco estrelas destinado exclusivamente a clientes que pretendam matar ou mandar matar alguém.
 
Serviço de primeira qualidade associado ao nosso clima, gastronomia, enfim, a tudo de bom que este país tem para oferecer.
Não concordam comigo que teria ocupação plena nos 365 dias de cada ano?
 
Estou a pensar fazer publicidade em todos os grandes jornais mundiais.
Algo como isto:
 
É assassino profissional ou um mero filho da puta?
Está a pensar matar um estadista, a sua mulher, marido, vizinho, chefe, colega chato, cão, sogra, seja lá quem for?
Quer apenas mandar partir as pernas de alguém?
Para quê correr riscos desnecessários se pode fazer a sua planificação à beira da piscina, bebericando um cálice de Porto e sem qualquer responsabilização criminal?
Venha até Portugal e faça dessa decisão um momento que recordará com prazer ao longo da vida.
Temos condições especiais para senhoras e grupos.
Auditório para congressos.
 
Muito importante: Não cometa a insensatez de emitir um cheque sem provisão ou poderá ser sujeito a medidas judiciais de coação, nomeadamente termo de identidade e residência.   
 
E prontes, vou ficar rico.
.

12 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2010
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2009
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2008
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2007
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2006
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D