Sábado, 6 de Outubro de 2007
Se há coisas que sempre me deixaram fascinado são os w.c. públicos.
 
E não estou a pensar só naqueles antigos que ainda encontramos nas cidades de província, mas também nesses modernos repositórios das nossas necessidades fisiológicas que existem nas áreas de serviço das auto-estradas.
 
De cada vez que, por imperativos da natureza, me vejo impelido a entrar num desses cubículos, confesso que demoro eternidades a despachar-me.
 
Primeiro porque forro meticulosamente o trono com camadas duplas, quiçá triplas, de papel higiénico.
 
Depois, e principalmente, porque assim que me sento sou avassalado por essa avalancha de cultura popular que preenche, desde a porta às paredes, todos os espaços livres.
 
Digo-vos, aprende-se muito nos w.c. públicos.
 
Desde poesia e prosa do mais fino recorte, passando pelo desenho e pintura de invulgar categoria (julgo até já ter vislumbrado uma escultura, mas não quero acreditar), terminando pela informação de primeira necessidade, de tudo se encontra nesses locais, dignos escaparates do génio (e etc.) português.
 
Daí que não tenha nenhuma dúvida que somos um país de verdadeiros artistas.
 
Compreenderão se vos disser que toda a vida senti uma verdadeira curiosidade científica pelos w.c. femininos. Serão iguais? Mais refinados? Menos? Meus deuses, não hei-de morrer sem lá fazer uma incursão exploratória…
 
Enfim, quando finalmente me lembro do que fui fazer, me despacho e saio, sinto-me sempre mais leve.
E porquê? - perguntarão vocês. Ora, por aquela razão óbvia, aqui não estava a falar de cultura.
 
Pergunto: Será que somos um país de trolhas? Será que andamos rodeados de Frankensteins psicológicos?
 
Contem-me tudo!
.
Música: Alice Cooper - Feed My Frankenstein 


antídoto às 22:55 | link do post | comentar

4 comentários:
De AnnaTree a 7 de Outubro de 2007 às 10:28
A vida é para nós o que concebemos dela. Para o rústico cujo campo lhe é tudo, esse campo é um império. Para o César cujo império lhe ainda é pouco, esse império é um campo. O pobre possui um império; o grande possui um campo. Na verdade, não possuímos mais que as nossas próprias sensações; nelas, pois, que não no que elas vêem, temos que fundamentar a realidade da nossa vida
Fonte: "Livro do Desassossego"
Autor: Pessoa , Fernando

tendo em conta a citacao acima talvez um wc seja um império, não dos sentados mas dos sentidos.
Achei piada á tua descrição da metodologia do uso da sanita publica...só deves conseguir fazer isso na casa de banho dos homens ,já que a das senhoras, regra geral ñ tem papel para o basico! qto mais para forrar seja o que for, valha-nos os klennex com cheiro a mentol para desenrrascar!
no wc das senhoras vê-se mtas das vezes citações mto masculinas! e das duas uma: ou entram lá homens mais ousados que tu e picham as paredes ou há um modelo de transição social para os sociologos estudarem futuramente pois as mulheres parecem estar ,nesse caso, a mudar o seu comportamento social(?)
gostei do artigo.
voltarei.
anna tree


De antídoto a 8 de Outubro de 2007 às 17:30
Ena, nunca me tinha lembrado de associar w.c. públicos e Pessoa, Fernando


De pintas a 8 de Outubro de 2007 às 16:39
De tanta prosa e poesia de W.C , da qual também sou fã e ávido consumidor, tenho que destacar uma que, pela sua profundidade e eloquência, não nos pode deixar indiferentes:

" uta $aralho " *

Com isto, ficamos a saber tudo sobre o artista e seu maravilhoso Mundo de criatividade e sentimentos.
Bravo!
Assim vale a pena...


* - texto obviamente alterado devido aos certos direitos de autor.


De antídoto a 8 de Outubro de 2007 às 17:22
Acho que estás à vontade para reproduzir na integra, os artistas são tão modestos que nunca assinam as obras : )


Comentar post

coisas ditas

Case Study: DSK

Fui raptado por extra-ter...

3 em 1 - Exemplos do que ...

Música pela paz

Ainda bem que não somos p...

Destroque-me

O que é uma pessoa defici...

Leva-me à minha rua

Inversão de valores

Tarde de mais

e arquivadas

Julho 2011

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape
blogs SAPO
subscrever feeds